Blog

01
JUN/2017

Exercícios no inverno: disposição e força de vontade

Dá uma preguiça quando começa a esfriar... mas isso não pode ser desculpa para deixar o exercício físico de lado. Em uma luta entre a disposição e o termômetro, quem ganha é aquele que não precisa correr atrás do prejuízo depois do tempo de preguiça. Com o clima mais ameno, o corpo não precisa fazer tanto esforço para manter a temperatura interna regular e transpira menos, deixando o treino mais agradável.

Confira outros bons motivos para manter a atividade física bombando também durante os dias frios:

Gasto calórico
Como o corpo precisa de mais calorias para ficar aquecido no inverno, então é o momento ideal para manter o treino, seguir uma dieta equilibrada e reduzir gordura e peso. Treinar no fio pode aumentar a queima de calorias em até 30%.

Treino tranquilo
A preguiça dos outros é a sua tranquilidade. Muita gente não segue firme na academia nesses meses frios, o que deixa o ambiente menos tumultuado. A mesma coisa acontece nos parques. Basta se agasalhar bem.

Combate depressão e mau humor
O frio vem com aquela tristeza e melancolia dos dias cinza. Para combater a depressão, a prática de exercícios aumenta a concentração de endorfina, aquela substância que promove bem-estar. Alguns estudos até mostram que a endorfina é liberada de 24 a 48 horas após o treino.

Pra tudo isso dar certo, também são necessários alguns cuidados, como utilizar roupas leves na hora da malhação. Vista-se em camadas e tire as peças conforme aumentam o ritmo e o calor do corpo. A melhor opção são peças justas e coladas à pele, como leggings e segunda pele, que deixam menos espaço para passagem de ar, protegendo melhor do frio. Além disso, as dicas que devem ser levadas em consideração em qualquer clima: aquecimento, alongamento e hidratação adequada.

Como você lida com o frio? Foge dos exercícios ou segue firme e forte? Compartilhe com a gente lá no Facebook.

© 2012 Sorvelândia. Todos os direitos reservados. Imagens meramente ilustrativas.